Conheça 6 fatores que contribuem para o aumento na conta de luz

4 minutos para ler

Nos últimos anos, o aumento na conta de luz tornou-se um problema cada vez mais recorrente, o que vem levando muitas pessoas a questionar, com toda razão, a maneira como essa conta é calculada e quais são os fatores que impactam para que esse aumento ocorra. E você, sabe por que isso ocorre?

Para esclarecer essa questão, fizemos este artigo. Inicialmente, mostraremos como calcular a conta de luz e como é feita a cobrança aos consumidores. Em seguida, listaremos 6 fatores que influenciam no aumento da conta de luz. Por fim, destacaremos algumas medidas para reduzir a conta de energia. Acompanhe!

Saiba como calcular a conta de luz e como é feita a cobrança aos consumidores

O cálculo deve ser feito de acordo com a potência (medida em Watts) necessária para manter os aparelhos ligados. Por isso, para calcular a conta de energia, é necessário calcular a potência pelo número de horas que o aparelho fica ligado. Por exemplo, se uma lâmpada incandescente fica ligada 8 horas por dia e apresenta potência de 100W, temos 800W por dia.

Após essa primeira etapa, deve-se multiplicar o valor encontrado pela quantidade de dias em um mês. Por exemplo, 800w x 30 = 24.000/1.000 = 24KWh/mês. Depois disso, é necessário multiplicar o valor encontrado pelo preço do KwH na sua cidade. Ainda no mesmo exemplo, a conta poderia ser 24kWh x R$0,527 = R$12,64. Faça isso com todos os equipamentos e chegue ao resultado final.

Confira agora 6 fatores que induzem ao aumento na conta de luz

1. Impostos maiores

A conta de energia inclui uma série de impostos que variam entre a esfera federal, estadual e municipal. Para a esfera federal, temos o Programa de Interação Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento de Seguridade Social (Confins). Para a esfera estadual, temos o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Para a esfera municipal, temos a Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública (COSIP).

Caso um desses impostos passe por um aumento, a conta de energia, naturalmente, também sofre um reajuste.

Powered by Rock Convert

2. Crises

As crises, tanto econômicas quanto naturais, contribuem para o aumento da energia. Isso ocorre especialmente porque grande parte da nossa produção energética se dá por meio de hidrelétricas. Portanto, com menos chuvas, o rio passa a ter um menor volume, o que implica em uma menor geração de energia.

3. Bandeiras

Como medida resolutiva para enfrentar a crise de energia que atingia o Brasil, a Aneel criou o sistema de bandeiras com o objetivo de disciplinar o consumo, adequando o preço à demanda e produção. Dessa forma, temos a bandeira verde (quando está tudo bem com a produção de energia), a bandeira amarela (quando o sinal de alerta é ligado) e a bandeira vermelha (quando o estado é crítico).

4. Uso inútil de aparelhos domésticos

Não são poucas as residências que apresentam aparelhos ligados em momentos inoportunos ou que gastam mais energia por conta da sua idade. Pode parecer um mero detalhe, mas é importante manter nossos equipamentos ligados apenas quando for necessário, já que isso pode gerar uma economia na conta de energia.

5. Distribuição da energia

O valor da conta também leva em consideração a distribuição da energia e todos os gastos envolvidos para torná-la possível, como infraestrutura e capital humano.

6. Custo em kWh

O Custo em kWh pode aumentar de acordo com as variáveis existentes no setor de energia elétrica. Caso ele aumente alguns centavos, a conta de energia pode aumentar consideravelmente.

Como você pôde perceber, o aumento na conta de luz não corre de forma aleatória. Na verdade, isso é resultado de uma série de fatores que influenciam a produção, distribuição e entrega da energia ao consumidor. Para diminuir o valor da conta de energia, você pode adotar equipamentos mais econômicos, priorizar a iluminação e ventilação natural, usar lâmpadas de LED e inserir um sistema de energia solar fotovoltaica, por exemplo.

Curtiu este artigo sobre os fatores que contribuem para o aumento na conta de energia? Então, curta a nossa página no Facebook e receba mais conteúdos com este em seu feed! 

Posts relacionados